quarta-feira, junho 16, 2010

Faço as malas falando com as paredes.




Eu espero que você entenda esse meu jeito.
Na cozinha em cima da mesa tem uma carta para você baby.
Não chore, não me procure, afinal estou indo embora e não quero ser encontrado.
E vocês podem até dizer que é errado e que errar é... Errar?
Mas veja bem, hoje de manhã estava digitando naquela máquina velha e a palavra amor saiu AMOR, mas estava errado era para sair apenas 'amor' e veja eu 'errei'. Será que devo pedir perdão por meu amor ter saído grande e não pequeno?
Mas... Voltando ao assunto
Está na hora de ir...
E enquanto vou indo você estará comprando o nosso almoço que agora será só seu e que talvez estrague, não sei, mas essas mulheres têm essa mania de parar de comer quando acontece esse tipo de coisa.
Baby eu estou levando alguns cigarros e o isqueiro que você ganhou da sua mãe, mas isso só as paredes desta casa sabem já que não coloquei isto na carta, quis ser gentil e também não quero que você pense que o levei para me lembrar de você. Não. Não. Apenas não tenho um isqueiro.
Algumas roupas vão ficar aqui, mas saiba que nem o meu cheiro deixo já que elas estão limpas...
Mas isso também não está na carta e creio que você vai descobrir sozinha.
È Adeus...

9 comentários:

vanessa b.' disse...

aamei seu blog, mtmt *-*
http://unlikely1.blogspot.com/

adolescent subjects' disse...

que triste ;x

beijo

Ray Siq disse...

Lua fala sérioo
como vc acertou de cara o resultado do jogo do Brasil??? hahahahhaha
Beijoooo linda :*

pierre almeida disse...

É melancólico. Gosto bastante =)

Naty Araújo disse...

Aiiiiiii... sempre dói mto essa palavra.
Doeu aqui lendo e mto.
Mas foi demais a leitura, me perdi aqui.

Bjão

Marília Nascimento disse...

Atenção! Atenção! Nunca leia este blog se estiver numa fossa tremenda, isso te tratá fortes danos emocionais e uma desitradação crônica a longo prazo de tanto chorar.

Harry disse...

Ahhh, srta. blogueira, mto lindos seus textos viu?
Ainda mais em "primeira mão" hehe...

Milla disse...

Adorei o texto. Acho que talvez o que não foi escrito na carta era mais importante. Afinal das contas, as pessoas não gostam muito de serem diretas quando vão tomar certas atitutes..

beijos

Ray Siq disse...

de nadaa!!!!
lindo seu texto

Beijoo :*