sexta-feira, abril 30, 2010

Da licença?

Ter uma vontade enorme de ser eu, é o que mais me consome diariamente, vejo que a sociedade não aceita as pessoas que querem coisas simples para se manter, pessoas querem apenas, sentar e observar, ver e compreender, ter vontade e fazer.

“Mas isso é coisa de pessoa preguiçosa, sem força de vontade”, pelo menos é desse modo que eles pensam. Eu não sei quando apareceu essa lei, mas ultimamente fazer o que se gosta é algo invalido, e fazer algo que, você não gosta e simplesmente, da dinheiro é o caminho, porém, tenho a minha teoria.

Já pararam para pensar que as pessoas originais, tem dinheiro? Creio que todos já observaram isso, porém alguns continuam a dizer que o certo, só é certo quando todo mundo está fazendo.

Não entendo parece que é um destino, destinado a todos, você cresce, estuda, chega ao ensino médio e só escuta uma palavra: vestibular. No geral você tem que estudar, parar de viver e f... Para passar em uma faculdade, estudar mais e mais, ficar arrogante, por que é assim que os professores de lá te tratam, tipo, “problema seu", Você estuda, para de viver e f... Para chegar em uma universidade pública e um professor te tratar como qualquer um para depois você sair de lá e falar bem da faculdade, e se tornar um arrogante igual ao seu mestre. Bem muito bonito.
Se você vai para uma particular, ai depende dela, se for muito cara, você é o cara ( ou mina), se for uma mais ou menos, que tem alunos que fazem sucesso por suas roupas, ou seja, você estuda no lixão. Nessas geralmente você vai ser tratado bem, e vai sair de lá falando mal da faculdade. (obs. Isso não vale para alunos de faculdades em que as pessoas fazem sucesso por seus trajes).
Mas voltando... Quando você passa de toda essa fase de: Ou para de viver e f... Para ir para a USP ou você faz uma particular (obs. se você for rico e puder pagar qualquer faculdade ÓTIMA, pare de ler.) Ai vem, trabalho, mais trabalho, casamento, filhos, trabalho, marido, traição, filhos, trabalho, velho, filhos, vestibular, aposentadoria e... Por ai vai.

Por que todo mundo é assim? Todo mundo quer as mesmas coisas, sempre juntar grana, sempre fazer as coisas mais comuns, sempre ir de acordo com a sociedade, com a cultura em massa, com tudo que todo mundo faz?
Alguém ai sabe? Acho que as pessoas são assim por que tem preguiça de pensar e as que pensam... Bem, estamos aqui, não é mesmo?
Agradeço as pessoas que tem coragem de fazer as coisas que querem, pois não é fácil, a maioria dos pais não aceitam, quer um filho igual o do vizinho.

Ser você mesmo é mais do que lutar por isso, é você ter fé em si mesmo, dizer para você todos os dias que você é capaz, e que não importa que todos dizem que tal profissão não da dinheiro e que você não vai chegar a lugar nenhum, pois enquanto você não fizer, nunca vai saber. E eu só me questiono, por que o futuro “modelo" de todos da certo e o meu não?
Para falar verdade, eu vou mais é tentar.
E como diz a música, "seja você, mesmo que seja bizarro".

4 comentários:

Manu Lago disse...

Adorei o marcador. E sei exatamente do que você está falando, injusto. Regras, regras e mais regras. Todos que fogem dos padrões são tachados de loucos. Quer saber? O importante mesmo é ser feliz.

Milla disse...

Eu acho engraçado como algumas pessoas conseguem passar por cima de seus próprios sonhos para seguir aquilo que a sociedade e, na maioria das vezes, os pais mandam. Matar seus próprios sonhos e sua felicidade de seguir o que você sempre sonhou para acumular mais dinheiro e ser bem aceita? Acho que isso não está com nada atualmente..Ser original e saber fazer as suas escolhas são o que mais contam, pelo menos pra mim..

beijis

Rebeca Postigo disse...

Kkkk...
Sabe...
Acho que todas as pessoas uma hora em suas vidas se questionam sobre o futuro...
Eu já passei por essa fase...
Hoje vejo as coisas por uma angulo bem diferente...
Alguns me chamam de maluca, outros de sonhadora...
Mas o que me importa não é o amanhã...
Mas o hoje!!!

Bjs

Harry disse...

Adorei o texto, muito bom mesmo...É pra se pensar realmente se estamos seguindo a nossa própria linha de raciocínio ou se são os outros que nos fazem pensar.
E o pior é que tem muito "fantoche" por aí, que acaba não fugindo dessas ideias dos outros...Não têm nenhuma ideia própria. E como vc mesmo disse, "tem preguiça de pensar" ;D