domingo, agosto 16, 2009

O tempo, no tempo.

19:50 cada minuto = trezentos e sessenta e cinco dias.
19:51
Música tocando...
Se você pudesse escutar meus pensamentos.
Hoje à noite em algum lugar alguém se apaixona
19:52
Em algum lugar alguém morre.
E em algum quarto escuro da cidade uma menina deita na cama e olha para cima...
19:53
Enquanto as lágrimas percorrem o seu rosto.
Desejando, que algo bom caia do céu.
19:54
Desejando, acordar, pedindo a deus que alguém a escute chorar...
19:55
A música vai lhe dando alucinações.
Ela vira-se para parede gelada
19:56
Muito parecida com o seu amor... Gelado.
A música se repete pela segunda vez.
19:57
A mulher canta... Ela não compreende.
19:58
Seus se perdem, olhando para o nada... O escuro brinca com seus pensamentos
O rosto, já molhado.
A cama, já quente.
O mundo, ainda gira.
O tempo, ainda passa.
A música toca pela terceira vez....
Ela se ajeita na cama.
...Em algum lugar.
20:00

2 comentários:

RONNY DIAS disse...

"O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem ao amanhecer."
É de algum lugar... da Bíblia.
Não se preocupe, não quero ser padre e nem moro na sua rua.
;D
Abraço.

Anderson Dias, Ander, Andermaster disse...

Pô muito boooom, nossos momentos são tão nossos não é mesmo?

muito pessoal o que escrestes, sincero demais!

lindo!

Parabéns moça!