segunda-feira, novembro 22, 2010

O CÉU DE ILUSÕES, entre outras coisas que criei.

tumblr_lc6wotTGvD1qbju4oo1_500_large

Hoje quando acordei arrumei minha vitrola, sim, VITROLA, peguei aquele disco e fiquei repetindo aquela música.

E de frente para uma parede azul lá em cima fiz um sol e aqui em baixo fiz a neve.

Pude escutar a palheta passando em cada corda e algo dentro de mim ficou excitado, não sei definir, desaprendi a definir e eu acho que fiquei feliz. Tenho lá as minhas duvidas sobre o que seria mesmo essa alegria ou essa coisa que sinto dentro de mim toda vez que escuto essa música, parece que essa parede azul, meu céu azul, abre... É um buraco! E eu caio, não, eu me jogo me entrego. Não tenho medo nem receio já estarei caindo e indo sem saber para onde, loucura? Eu só preciso da certeza, esta que será cada vez mais concretizada em meu corpo, todas as vezes que eu olhar para cima, lá estará o meu sol pintado com as tintas amarela e vermelho, sim eu criei.

Espera ai a música acabou. Lá vou eu, arrumo a vitrola, outra vez a palheta nas cordas, vem à canção. Ah aquela sensação.

Volta a me jogar, onde eu estava mesmo?

Mas não consigo paro em frente à parede, olho reto (olho o azul), olha pra cima (olha o sol), olho para baixo (neve!).

Neve. Meus pés congelados no chão não me deixam partir.

Meus pés presos, fixos, enterrados na neve não me deixam caminhar, me jogar no meio daquele céu azul, e assim, estando presa, enterrada, congelada; só posso dar da de cara com a parede azul.

Agora eu descobri meu bem, por que nada mais parece ser real.

Pois o amor não é assim, não podemos nos apaixonar ou amar, e quando o encanto acabar colocar ele para tocar outra vez. E eu pensando que podia. E eu me jogando nos mundos, vivendo em céus em tons de azul que eu mesma criei. Nada disso era história meu amor. Nada disso eram fatos. E sim, vivia estórias e me desculpe esse português abrasileirado tão arcaico, mas já faz tanto tempo que estou aqui em devaneios pensando que tudo é real. Esqueci-me das coisas, das definições, dos cheiros dos gostos. Recriei o que lembrava e por aqui fiquei. Congelei.

Mas descobri a verdade, pois nunca havia reparado nos meus pés presos na neve.

E agora tenho que carregar este fardo. Estou presa no gelo, sou segurada por um céu de estórias e sou aquecida por raios de ilusões, que vem de um sol criado por mim. Tudo por mim.

Não consigo bradar por ajuda, grito, mas nem todos me escutam.

Alguns conseguem escutar, outros porem, não compreendem.

Grito e grito.

Mas ninguém escuta as minhas suplicas, meus gritos de queixas, meu clamor.

Ninguém...

Acordo. E mesmo sabendo que foi apenas o um sonho ruim, passo as minhas mãos em meus pés. O alivio toma conta do meu corpo. Mas sabia que aquilo tudo era apenas uma metáfora da realidade em que vivia. Olhei para o lado, ele dormia. Por segundos tive raiva de mim, uma agonia tomou conta das minhas mãos e a vontade de sair dali se apossou dos meus pés. Apenas levantei da cama. Troquei de roupa. E apenas fechei a porta. Não era um céu azul, nem sol tinha era tarde da noite. Mas dessa vez nada era uma estória, dessa fez era real, era a história que contaria para o homem que amava assim que chegasse a casa dele.

8 comentários:

Cynthia Brito disse...

oun, emocionante !
Muito lindo :P

Lizzy S. disse...

Adorei a metáfora nostálgica com a participação de uma vitrola. Lembra minha infância.
Muito bom!
beijos.

Nina disse...

Gente! Que ótimo o post!

Me identifiquei com seu texto!

Realmente muito bom!


bjinhos

Nina

gabs disse...

Como sempre esta perfeito. O contexto da historia, o final, está tudo maravilhoso. Eu adoro o recreio, aqui é um "lugar" tão gostoso, seus textos são tão apaixonantes. Parabens.

Marcos de Sousa disse...

Lindo texto. Às vezes é melhor viver em um mundo de ilusões do que encarar esse duro mundo.

Beijos

Betty Gaeta disse...

Oi Lu,
Sonhos e realidade se entrelaçando... ontem tive um sonho tão bom que não quero contar para ninguém para que se realize. Dizem que só devemos contar os sonhos maus, para que eles não se realizem.
Bjkas e uma boa noite para vc.

http://gostodistonew.blogspot.com/

Rick" disse...

Muito legal este blog"
Adorei"
Bjws"
"(*_*)"
ver o meu ai:
http://nostudinhos.blohspot.com/

Thays Arroxellas disse...

ameii parabens!